quinta-feira, 5 de maio de 2011

United States Of Tar 3x06: The Road to Hell Is Paved with Breast Intentions


“Você não vencerá”. Alguém aí lembra onde foi que ouvimos essa frase antes?

Se alguém aí respondeu “Season Premiere” acertou em cheio. “You will not win”. O episódio termina com essa exata frase e faz pensar nas possibilidades sobre Tara e suas personalidades. Depois do contrato tenho achado que Tara, de fato, não possui múltiplas identidades, mas sim, diversos mecanismos de defesa que são ativados em momentos cruciais. Talvez soe como a mesma coisa, mas não é. Tara usaria as personalidades como “desculpa esfarrapada” para quando não quer enfrentar a realidade.

Por outro lado, o que já vimos ao longo das duas temporadas anteriores diz o contrário. Impossível saber, portanto, qual a verdadeira intenção dos criadores da série, mas é aí que mora a graça. No momento só dá para saber que o recado foi dado para o Dr. Hattarras. Ele não vai vencer e não vai conseguir acabar com os problemas de Tara.

Para quem, como eu, vinha se perguntando sobre a importância de Max na trama, a explicação veio logo. Ele agüenta tudo isso porque ainda é um cara apaixonado pela esposa. Porém, o foco nesse amor todo me dá a impressão de que Tara pode acabar sem marido, muito em breve. A mesma história de amor serve de inspiração para Marshall e sua paixão pelo cinema. Kate também entrou no clima, convidou o esquisito do avião para sair e tomou um belíssimo toco.

Completando o cenário, a mãe de Tara e Charmaine reaparece, pronta para voltar ao convívio das filhas e da nova netinha, mas depois das descobertas de que ela nada fez para evitar os abusos contra as filhas pequenas a coisa fica complicada e por isso mesmo, mais e mais interessante.

Comentários
3 Comentários

3 comentários:

leo disse...

nossa, q temporada impecaval!
esse "you will not win" deve ser falado por uma nova personalidade, mas tbm será alguma personalidade atual que tá meio q traindo a tara?

Lucas M. C. disse...

Ótima review e um ótimo episódio também.

E você está certa Camis, as múltiplas personalidades de Tara são sim mecanismos de defesa, os pacientes com DID usam as personalidades para se defender.

Tem até um livro, ótimo por sinal, que mostra bastante sobre isso. Chama-se "Hoje eu sou Alice", que conta a história de Alice, que durante toda sua infância foi abusada pelo pai e desenvolveu DID para bloquear as memórias do abuso.

Pra quem é fã de United States of Tara, fica aqui a minha recomendação do livro, já que explica bastante sobre o DID.

leo disse...

nossa, q temporada impecaval!
esse "you will not win" deve ser falado por uma nova personalidade, mas tbm será alguma personalidade atual que tá meio q traindo a tara?