sábado, 18 de dezembro de 2010

Misfits 2x06: Episode 6


Lacto-Purga neles!

O que dizer de um episódio de Misfits que pega um cara todo esquisito com o poder de controlar leite e derivados? Mais uma vez conseguiram suprir todas as minhas expectativas e acredito que estamos diante do melhor episódio da temporada, embora ele tenha sido completamente previsível.

Eu não me importo com isso, de verdade. Quando nossos heróis alcançaram a fama e Lacto-Purga perdeu seu lugar diante dos holofotes eu logo pensei que ele matar todo mundo que tivesse bebido leite ou coisa assim. Não sei se é porque eu sou tão cretina quanto os roteiristas da E4, mas fato é que eu estava certa e adorei ver Lacto-Purga sufocando a galera com queijo e leite.

Outra coisa pra lá de óbvia era que O Rebobinador iria voltar no tempo e consertar tudo. Esse personagem é o grande curinga de Misfits e existe justamente para essas situações.

Como já virou tradição, todo o destaque fica dividido entre Nathan e Simon. Impossível não amar os comentários sexuais e sexistas do nosso Morto-Vivo, que explode a própria cabeça ao vivo, na televisão.

Supervertido mostra que é o único com a cabeça no lugar e começa a se transformar naquele cara bacana que é o Parkour Mascarado, numa metamorfose de dar inveja em qualquer borboleta por aí.

Não posso deixar de comentar o poder da Mulher Mertiolate. Cá entre nós, curar a galera com as mãos não é nada demais, mas valeu pela oportunidade de ver Nathan querendo que a moça esfregasse seu pipi para livrá-lo de uma DST.

O mais legal do episódio em si é ver as possibilidades. Essa chance de observar o que aconteceria se todos soubessem a verdade. Nada de experimentos científicos. A fama, o dinheiro e o caldeirão de egos já são suficientes para destruir tudo em volta. Depois de ver Lacto-Purga em ação, ninguém mais vai subestimar o mais idiota dos poderes.

Para nossa sorte, ainda não acabou. Por causa do sucesso, Misfits terá ainda um especial de Natal, que promete ser sensacional. Além disso, podemos comemorar a renovação da série. Vamos ter que esperar um bom tempo, mas já me basta saber que em 2011 teremos mais Misfits para curtir.

PS* Um breve comentário meu sobre a questão dos apelidos. Reparei que Nathan batizou O Rebobinador com o mesmo nome que eu, mas em inglês, é claro. Tudo isso me faz pensar que colocaram um chip na minha cabeça e estão roubando minhas idéias. Isso também deve explicar o fato de que eu previ o que ia acontecer com Lacto-Purga. Será?
Comentários
3 Comentários

3 comentários:

João Paulo C F Longo disse...

Como eu adoro esse série. É tudo tão surreal, tão canalha, tão bem escrito.

Seis episódios ótimos, sendo esse último o melhor deles, e olha que o próximo da morte de Cristo promete.

Já imaginou The Walking Dead nas mãos do povo da E4 que coisa linda iria virar?

Lory's disse...

Essa é umas das minhas séries favoritas, simplesmente porque brinca com todos os clichês!!! Tudo é completamente bizarro!

Nathan é muito porra louca!!!

Camis ótima review!!!!

Lory's disse...

Essa é umas das minhas séries favoritas, simplesmente porque brinca com todos os clichês!!! Tudo é completamente bizarro!

Nathan é muito porra louca!!!

Camis ótima review!!!!