sexta-feira, 1 de outubro de 2010

Being Erica 3x02: Moving On Up


Pergunta do dia: Porque esse moço não é do elenco fixo de Being Erica?

OK. Eu sou fútil. Confesso que quero Ryan na série, mesmo que seja parado no fundo das cenas, atuando como enfeite, mas minha pergunta é honesta. Por algum motivo eu sempre senti muita química entre ele e Erica. O breve romance dos dois foi um dos que mais me empolgou e não apenas pelos motivos óbvios. Por isso, fiquei mais do feliz em revê-lo (e aqui incluo os motivos óbvios). O problema é que, mais uma vez, foi uma aparição passageira e eu gostaria que parassem de forçar Erica com caras nada a ver, como Adam, para investir em personagens de carisma, porém, pouco aproveitados.

Feita minha defesa sobre Ryan, vamos ao episódio, que realmente, surpreendeu. Sentiram aquele clima bom do início da série voltando? Às vezes parece que é bom voltar atrás, em vez de seguir em frente, como diz o título da semana. Acho que a simplicidade do começo estava desaparecida, mas voltou com tudo. Espero que seja para ficar.

Esse retomada de assunto, sobre o término do relacionamento com Ethan, era necessária. Aliás, seria estranho se não fizessem. Sei que muita gente gostava dele, mas eu sempre o achei sem graça. Bonitinho, é verdade, mas opressor ao mesmo tempo. Durante a 2ª temporada ele era uma espécie de âncora, afundando Erica mais e mais. Quando os roteiristas finalmente separaram o casal, foi um alívio. Acredito que o plano original não era bem esse, mas pelo bem e continuidade da série não daria para ficar nessa coisa muito bem resolvida no amor. Erica é uma personagem que pede desafios, novidades, ousadias. Esse é o espírito da série e agora, sinto que estamos nos trilhos novamente.

Tive mede de que o retorno de que o retorno de Claire fosse inútil, mas eis que eu estava errada e essa viagem no tempo realmente trouxe algum aprendizado para Erica. O conflito criado foi interessante e gostei de ver Erica perdida. Conversar com Ethan, investir em Ryan ou dar uns amassos no baby face gigante da academia? Saber lidar com rompimentos não é fácil e não fazer nada parece uma boa alternativa.

Outra coisa legal foi a retomada da história de Samantha, que está sem aquele marido mala, graças a Deus. Agora ela vai mesmo é se enroscar com ex-Power Rangers, na esperança de ver alguma coisa morphar, provavelmente. Por mais que eu não vá com a cara de Lênin, parece promissor e eu espero não estar errada sobre minhas previsões positivas para a série.
Comentários
6 Comentários

6 comentários:

Mari Bisonti disse...

Pois é, por mim Ryan também entraria no elenco fixo. Eu só "aceitei" que a Erica terminou com ele na segunda temporada porque eu acreditava no relacionamento dela com Ethan, até ele virar essa âncora que você disse. Esse episódio foi bem mais Being Erica, está tudo diferente mas foi mais familiar. Nunca gostei da Claire, mas foi interessante a participação dela. Jura que o Lênin foi Power Ranger? Eu lembro dele de "Ela é o Cara" e de "The Best Years", sim eu assisti The Best Years, não quero falar sobre isso.
O mais legal dessa temporada são as infinitas possibilidades que vieram com o final da outra.

Diogo disse...

Também voto pra ele voltar no elenco fixo... de preferencia fazendo mais cenas de cueca como da segunda temporada.... e bem, tb tem o motivo menos importante, ele tinha certa quimica com a Érica, e gostava do relacionamento deles.

Foi um bom episódio, só achei que a terapia foi meio igual a do primeiro passo, afinal a única coisa que o grupo fex foi acordar tarde pra dar pitecos sem importancia.

Gostei da parte da Samantha (é esse o nome da irma da Erica?) e da mãe dela, apesar de meio deslocadas do resto do episódio.

i disse...

sinceramente minhas opiniões divergiram com as sua no primeiro episódio. Mas agora elas andaram juntinhas, exeto pela parte do Adam, ele tem seu carisma, acho que ele não gostou mt da érica pensando em homens haha ele deve ter ficado todo felizinho com ela jogada em cima dele no primeiro episódio e achou que ia faturar logo ela e quando viu que não é bem assim que a banda toca nem quis dizer nada...
O adam virou elenco fixo, você viu que o nome dele tava até na entra e tinha cenas dela e dele e as dela e ethan e ela e kai foram editadas deixando só ela e cortando eles da cena...

Camis Barbieri disse...

Pois é I. Divergir é bom. Não dá pra gente pensar tudo igual, senão fica chato. Mas o Adam...blé. Não gostei. Pelo menos por enquanto.

Camila disse...

fiquei muito feliz do Ryan aparecer ele é tão legal acho q os atores forão mal escalados preferia ao contrario o Ryan combina muito mais com a Erica

o ethan é muito chato rs

legal a Samantha aparecer tbm, gostava muito da samantha e o kai mais tbm acho q vai ser legal se ela ficar com o lenin

episodio criando varios arcos novos sei ñ pouco tempo pra viagem no tempo mais mesmo assim por enquanto acho q continua mantendo o nivel

i disse...

sinceramente minhas opiniões divergiram com as sua no primeiro episódio. Mas agora elas andaram juntinhas, exeto pela parte do Adam, ele tem seu carisma, acho que ele não gostou mt da érica pensando em homens haha ele deve ter ficado todo felizinho com ela jogada em cima dele no primeiro episódio e achou que ia faturar logo ela e quando viu que não é bem assim que a banda toca nem quis dizer nada...
O adam virou elenco fixo, você viu que o nome dele tava até na entra e tinha cenas dela e dele e as dela e ethan e ela e kai foram editadas deixando só ela e cortando eles da cena...