sexta-feira, 2 de julho de 2010

Louie 1x01: Pilot


Quer comédia boa e que fuja da fórmula clássica ‘5 amigos num bar’? Veja Louie e se prepare para o politicamente incorreto da stand-up comedy.

Simplicidade à vezes é tudo e qualquer um que tenha visto o Piloto de Louie, dificilmente discordará. O episódio tem ótima qualidade, roteiro afiado e situações cotidianas que são tão absolutamente possíveis que parecem surreais.

Tudo ideia de Louis C.K, que resolveu emprestar seu nome e sua atuação peculiar à produção que estréia pela FX e que é, definitivamente, mais uma grata surpresa dessa Summer Season cheia de porcarias comerciais além da conta.

Muitos vão comparar o estilo do programa ao consagrado Seinfeld e , embora eu nunca tenha de fato acompanhado a série, pelos episódios que vi, já tenho tendência a discordar. Posso até estar completamente enganada, mas não acredito que o simples fato de ambas as produções apresentarem trechos de stand-up nos episódios seja o suficiente para criar um estereótipo aqui.

A mistura de vida real com ficção fica implícita e na maioria das vezes é praticamente impossível diferenciar uma coisa da outra. Gostei bastante desse estilo ácido de enxergar o cotidiano, o que se reflete nas piadas e plots perfeitamente. O mote central é sim, a vida de Louie, um ator de 41 anos, solteiro (sozinho), pai de duas filhas e voluntário da cafeteria da escola, onde pratica a arte milenar da abertura de caixinhas de leite. De forma natural e descontraída, entramos em seu dia a dia, vendo cenas corriqueiras: o café da manhã com as crianças, um passeio de ônibus escolar pelo Harlem, um encontro falido e uma emocionante narração sobre o sentido da vida e amor pelos animais.

Porém, o ponto alto fica por conta de uma cena de nudez geriátrica, quando Louie encara a vizinha louca da namorada, que se sente desprotegida ao ouvir gritos no corredor do prédio enquanto está completamente nua, dentro de sua casa.

Contando, não tem a menor graça e eu jamais seria capaz de fazer justiça à grandeza dessa cena, que vale o episódio e que fica como deixa de meu grande incentivo para que você também assista ao episódio e comente o que achou por aqui.
Comentários
5 Comentários

5 comentários:

Camila disse...

Me ganhou com a cena de nu. Vou conferir.

Anônimo disse...

eu assisti após ver seus comentários, e particularmente não gostei muito.. achei as piadas meio pesadas.. como crianças passando fome e sacrifícios de animais, não pretendo assistir de novo

Adriana disse...

O, Camis! Comecei a assisti e não consegui passar dos 15 min... achei chata, piadas pesadas sem necessidade, muito racismo gratuito, não gostei, já cortei da minha lista de séries. Mais valeu pelo post!

Fernando Monteiro disse...

Cara, vocês devem estar brincando!!! Bom, gosto não se discute, mas, ao meu ver, Louie é a pior série de comédia já produzida. Essa comparação com Senfeld é absurda. A única coisa em comum é que ambos fazem stand-up comedy. Fora isso, concordo que as piadas são grosseiras e sem graça. Se você resolve ir pelo caminho do politicamente incorreto, pelo menos tem que ter graça. Mas Louie se perde totalmente, produzindo um show que não serve nem para dar sono. Adoro todo tipo de humor: pastelão, inteligente, negro, etc. Mas acredito que esta série nem possa ser enquadrada na categoria humor.

Fernando Monteiro disse...

Cara, vocês devem estar brincando!!! Bom, gosto não se discute, mas, ao meu ver, Louie é a pior série de comédia já produzida. Essa comparação com Senfeld é absurda. A única coisa em comum é que ambos fazem stand-up comedy. Fora isso, concordo que as piadas são grosseiras e sem graça. Se você resolve ir pelo caminho do politicamente incorreto, pelo menos tem que ter graça. Mas Louie se perde totalmente, produzindo um show que não serve nem para dar sono. Adoro todo tipo de humor: pastelão, inteligente, negro, etc. Mas acredito que esta série nem possa ser enquadrada na categoria humor.