sábado, 20 de março de 2010

Skins 4x08 (Season Finale): Everyone

Já fui uma fã fervorosa de Skins, agora, isso mudou radicalmente e não sei se vou me torturar vendo a próxima temporada. O que era uma visão inovadora se transformou apenas em mais uma série teen recheada de bobagens e non-sense. Em suma, Skins se rendeu ao estigma. Não é que eu não goste desse estilo, o problema é que não dá para fazer de conta que não me decepcionei com o rumo que as coisas tomaram e com a aparente queda na qualidade da série. Para resumir o que achei desse episódio, usarei apenas três palavras: PUTA FINAL ESCROTO!

O pior de tudo é que eu já esperava isso. O episódio focado em Effy anunciava a desgraça que seria essa Season Finale, que na verdade, caminhava com certa dignidade, até os segundos finais, tão estúpidos que estragaram todo o resto.

Para começar, quero protestar pelo fato de não terem produzido episódios para Naomi e Pandora. As duas, como pudemos constatar, renderiam boas histórias, isso é claro, se não conseguissem destruí-las também. Infelizmente, não nos pouparam da pataquada de Effy e Freddie. Cook também seria dispensável se o episódio dele não tivesse mostrado algo que preste.

Não há como negar: a temporada foi fraca. Fraca de roteiro, fraca de ideias, de interpretações. Não vi nada de genial nas caras de louca de Effy, ao contrário de alguns fãs da personagem. Para mim, a melhor personagem continua sendo Naomi, que foi coadjuvante em todos os episódios, mas surpreendeu no final. Gostei bastante do desfecho que ela e Emily tiveram, embora esse lance ‘final feliz’ seja a contramão da proposta original de Skins. Outra coisa: por mais que eu tenha achado fofo saber que Thomas e Pandora vão estudar em Harvard juntinhos, esse é mais um caso de final alegrinho, uma espécie de “cala a boca” para que não digamos que o casal ficou indefinido, assim como foi com Cassie e Sid. Aliás, esse é o grande trauma de todo fã de Skins e o motivo geral de a maioria das pessoas nem ter dado uma chance à 3ª temporada. Hoje, dois anos depois, sinto como se eu tivesse feito mal em não seguir essa corrente e abandonado o barco antes do naufrágio.

A história de Pandora e Thomas é só incoerência. Para começar, ela sempre taxada como a burra. Panda tinha notas sofríveis, desempenho escolar muito abaixo do medíocre e então, num passe de mágica, ela é aceita em Harvard, onde até os maiores gênios penam para entrar. Thomas então, nem escola completou e apesar da história da bolsa atleta ser mais plausível, ele não teria sido aceito em apenas algumas horas, já que o episódio retrata UM DIA.Pra mim, uma coisa dessas é indesculpável. Um remendo frouxo num trapo velho.

O drama de Katie e os problemas de fertilidade se resumiram a um olhar tristonho para o bebê da namorada de JJ, que virou praticamente um pai de família. Effy continua doida e instável, sentindo falta de Freddie, sem mais a acrescentar, a não ser os momentos de ‘vozes do além’. Isso foi o fim da picada. Sussurros do morto que alertam sobre sua ausência. Até Cook ouve, apesar dos peidos sonoros da namoradinha clone de Effy que arranjou. Ou seja, mais trash impossível, certo? Errado. Imaginem só, Freddie era um cara tão obcecado por Effy que em vez de fazer lição de casa, gastava canetas e caderno escrevendo inúmeras vezes: I Love Her. Que medo do Freddie. Completamente psicopata. O pior é que a irmã dele, que é a provável nova protagonista de Skins para a 5ª temporada, seguindo a linha do que fizeram com Effy , entrega o caderno para Cook que descobre uma pista. Quão aleatório seria Freddie escrever numa página qualquer dessas, recheadas de ‘I Love Her’ a frase “John Foster quer machucá-la”? É isso, somado ao fato de que John é retardado e fica se escondendo no jardim de sua vítima sem nenhum motivo aparente, levam Cook a descobrir a morada do assassino. Camisetas ensaguentadas e tênis de Freddie para provar e o flagra. John e seu inseparável taco de baseball se preparam para matar mais um dos machos de Effy. Cá entre nós, nem que John dedicasse sua vida a isso, ele daria conta de matar tanto homem. E o final que temos, é esse, com Cook obviamente enfrentando seu algoz, porque não é nada na vida e não tem nada a temer. Fica por isso. Um grito de raiva e uma tela preta. E o grito era meu.
Comentários
8 Comentários

8 comentários:

Harry disse...

Já foi confirmado no site do e4 que no fim de 2010 terá um filme que vai ter encontro de personagens das duas gerações e fechará todas pontas abertas das duas. Começou a ser filmado este mês

Isso me aliviou, por que do jeito que terminou achei uma grande desrespeito aos fãs.

Harry disse...

E pelo que consta Sid e Cassie não se encontraram realmente.

Hadriel disse...

Eu adorei o final. Skins sempre teve non-sense e todas as reclamações que vejo sobre a qualidade da série, pra mim são apenas fãs que não aceitaram a troca de elenco.

Escroto mesmo é essa ideia de filme para fechar as pontas soltas. Essa é a graça dos finais abertos, não saber o que acontece, pois o fim nem é tão importante assim.

A vida das personagens não acaba em um Season Finale, deal with it.

Camis Barbieri disse...

Então gente, eu acho esse história de filme algo muito duvidoso e desnecessário. Mas sinceramente, não sou do time que teve antipatia pelo novo elenco, tanto é que fui fiel até hoje a Skins. O problema é que a qualidade caiu, sim, pelo menos, na minha opinião. Muita gente deve ter adorado o final, mas quando a gente escreve uma review, é a visão geral que prevalece, embora eu tenha destacado pontos positivos e negativos para balancear.

Harry disse...

Eu também não gostei do final, aliás desde o episódio da Effy que eu não gostei. Mas pelo menos o filme pode dar um fim mais digno aos personagens. Por que uma coisa é um final em aberto, este nem remotamente teve algum final.

Mas fiquei feliz com o filme ter sido confirmado.

Edna disse...

Estou assistindo ao Band of Brothers. Assisti até o 3° episódio! Estou adorando a qualidade do filme.

Harry disse...

Já foi confirmado no site do e4 que no fim de 2010 terá um filme que vai ter encontro de personagens das duas gerações e fechará todas pontas abertas das duas. Começou a ser filmado este mês

Isso me aliviou, por que do jeito que terminou achei uma grande desrespeito aos fãs.

Jesus Amem disse...

Que bosta essa review hein