quarta-feira, 9 de dezembro de 2009

Gossip Girl 3x12: The Debarted


Chegamos ao último episódio desastre de Gossip Girl em 2009. A partir de agora, a série entra em Hiatus e só volta no dia 8 de Março do ano que vem. Até lá, vamos torcer para tudo entrar nos eixos e para que o retorno não seja vergonhoso.

Confesso que o episódio da semana passada renovou minha fé na série, porém 'The Debarted' se mostrou tão chato e dispensável quanto 99% dos episódios da 3ª temporada, até agora. O cliffhanger foi fraquíssimo e teria sido melhor que tivessem nos deixado na expectativa gerada por 'The Treasure Of Serena Madre'. Impressionante como conseguiram pegar todas as bolas que haviam levantado e cortar todas fora da quadra. A começar pelo romance de Serena e Tripp. Poderia ser mais previsível? Teria sido mais digno mantê-los juntos e lutando contra a megera Maureen. Mas não. Partiram para a desilusão no dia seguinte, coisa que todos nós já sabíamos que ia acontecer com os arroubos românticos de Serena. Tripp é político em início de carreira e, com uma esposa tão obcecada quanto Maureen, era óbvio que ia ter chantagens mil e divórcio zero. Vou aproveitar e falar mal do início do episódio. Pra quê dar esse gostinho de ver a Serena morta e não matar ninguém? Isso sim seria inovação e cliffhanger batuta para a continuação da temporada. Para terminar, Serena acaba desiludida, hospitalizada e a única coisa que ganhou de brinde foi uma samambaia. Quer dizer, não a planta, . Serena ganhou Nate, o homem-samambaia de Gossip Girl para enfeitar seu quarto no hospital. E, tirando o soco que ele deu em Tripp, pagando de preocupado com a amante, foi só pra isso mesmo que Nate serviu.

Dan está patético. A paixão por Vanessa o deixou mais chato e atontalhado do que nunca. E é tudo o que tenho a dizer sobre esse assunto.

Jenny e seu reino também tiveram uma história fraca com o lance das bolsas, mas, vá lá. O importante é que arranquem dela aquele aplique de cabelo medonho e que desenvolvam a trama da nova rainha das drogas. Jenny virou aviãozinho e logo vai mudar seu nome para Zé Pequeno e dominar as favelas cariocas. Sinceramente, é aí que eu vejo um dos bons ganchos para Gossip Girl.

Chuck e Blair precisam de uma chacoalhada. Parecem um casal de idosos e nem mesmo o fantasma de Bart Bass abala a relação. Tudo bem que Chuck fez uma ou outra cara de prisão de ventre, que acho que tinham a intenção de expressar dor e tristeza, mas, no final das contas, ele virou bom moço mesmo. Um dos novos plots que teremos para Março será a mulher misteriosa do cemitério, que até a pessoa mais desligada e desprovida de noção percebeu que se trata da mãe de Chuck, que supostamente estaria morta. Veremos.

Agora, sem dúvidas, a maior decepção foi a carta de Lily. Todo mundo sabia que era alguma coisa com o pai de Serena e Eric, mas, se não rolou nada no quarto de hotel, onde os dois estiveram sozinhos para conversar, pra quê tanto mistério? É tão bobo e infantil que dá nos nervos. Maureen, que foi a pessoa que mais trouxe mudanças para a trama desde nossa amada Georgina, tratou de entregar a carta para Rufus, que lê e some. Vai se aconselhar com uma das esposas-troféu do edifício, ao perceber que ele próprio se tornou um marido-troféu. Na minha opinião, tudo isso vai dar em nada. Vai ter uma briguinha, uma birra, biquinho de teimosia e só. Vão ficar juntos e felizes.

Agora, que chegamos ao final dessa etapa, resta ficar na torcida. Mas antes, vou fazer minha lista de desejos para o Papai Noel. Peço que arrumem um emprego pro Rufus. Esse homem passa o dia cozinhando e indo em reunião de condomínio. Tá na hora de se coçar.
Peço que Dan e Vanessa não fiquem juntos nunca. Que usem Blair e Chuck com inteligência, porque eles sempre deram uma apimentada na trama.
Peço que não estraguem minhas expectativas com a Jenny, que façam o Nate ser mais do que um enfeite de cena e que parem, por favor, de apelar para beijos gays, 3somes, cantoras hermafroditas (ops!) gang bangs e congêneres. Para terminar - e se não for pedir muito - quero implorar aos produtores: se não forem matá-la, por favor, dêem um cérebro para a Serena. Por enquanto é só! Nos vemos novamente em Março! XOXO.
Comentários
2 Comentários

2 comentários:

Alê Soares disse...

Gente eu nem vi a segunda temporada
e ja sei quase ttd o que rolou na terceira que fabulous,rs

sabe tiraram the o,c do ar,mas mantem gosspip,fogo neh

bjokas e q o papaio noel realize seus desejos,rs msm n sendo fada madrinhamrs eeeeeeeeeeee

GiovanaK disse...

Olá!

Concordo com tudo o que li sobre o 3x12... foi fraquíssimo!

Espero que todos os teus (nossos) desejos se realizem... e que acendam GG de novo!

XOXO