quinta-feira, 11 de outubro de 2012

Arrow 1x01: Pilot


 
A série mais esperada da Fall Season 2012.

Desde que os críticos de TV americanos tiveram acesso ao Piloto e mais alguns episódios iniciais de Arrow, uma comoção geral se instalou. A série da CW, emissora pequena e geralmente tratada como responsável por produções de gosto duvidoso, impressionou e foi tachada de “melhor estreia da Fall Season”. 
Teve quem duvidasse completamente e lançasse mão da máxima de que as opiniões foram compradas pela DC Comics, responsável pela publicação que dá origem à série, mas verdade seja dita, o material promocional de Arrow já denotava algumas qualidades da produção que apenas precisavam de confirmação. Quatro minutos são muito diferentes de quarenta, convenhamos.
Sendo assim, a curiosidade para ver Arrow aumentou e a série apresenta uma Series Premiere que é sim, muito boa. Se essa é a grande estreia do ano, apenas os próximos episódios poderão confirmar, mas o caminho certo para isso está traçado. Vale dizer que, como nunca tive contato com as HQ’s e sei nada sobre o personagem já conhecido por muitos, a opinião sobre o Piloto é completamente livre de comparações. Apenas o produto televisivo está em foco.
Não há como negar que a história é sim, interessante e as primeiras impressões sobre a transformação de Oliver Queen (Stephen Amell), de playboy a vingador encapuzado, são as melhores. Pelo menos nesse inicio tudo é desenvolvido a contento, sem tirar do espectador o prazer da curiosidade. Um pequeno defeito estaria na edição que poderia ser mais ágil e tornar o episódio mais “alucinante” por assim dizer. A sensação é a de que tudo acontece na maior calma, muito embora, haja novos fatos e informações a todo o momento.
As cenas de ação são boas, os efeitos necessários para a trajetória das flechadas também têm qualidade e, no fim das contas, somando-se tudo isso ao elenco que dá conta do recado muito bem, Arrow se transforma numa produção de potencial. Isso porque nem citei o fato de que, depois do fim de Smallville, ficou aberta a vaga para uma boa série com temática de herói. Arrow parece estar estreando na hora certa.
A premissa de Arrow é a seguinte: Cinco anos após sofrer um acidente de barco em que perdeu o pai, o bilionário Oliver Queen é resgatado de uma remota ilha do Pacífico, onde, ao longo do tempo, ele se transformou numa verdadeira máquina de matar, com habilidades incríveis de combate e no uso de arco e flecha. Sua missão é consertar todos os erros cometidos pelo pai (que se suicida para que o filho tenha uma chance) e, de certa forma, fazer justiça. Para isso, Oliver vai se aproveitar de sua má fama de menino mimado e despistar seus inimigos e a polícia.
Com uso de verde e da roupa com capuz, a referência a Robin Hood é bem obvia.  Além do mais, em sua primeira missão, Oliver tenta ser bacana com um dos figurões de Starling City, pedindo “gentilmente” que ele devolva muitos milhões de dólares para as pessoas que haviam sido prejudicadas por ele, mas a coisa não funciona muito bem “pedindo com educação” e é assim que Arrow invade a cena e redistribui a renda com seu jeitinho peculiar. Aliás, peculiar é a palavra certa para descrever a saúde de Stephen Amell, que é o tipo de cara que pode fazer cenas desnudas sem o menor problema. A boa forma do moço é, inclusive, um grande atrativo, mas Arrow não se apoia apenas nisso, apesar da exposição que rola em alguns momentos (para nossa alegria!).
Dentre os demais personagens temos Moira, a mãe de Oliver, que de boazinha não tem nada, Thea (Willa Holland) a irmã traumatizada e envolvida com drogas, Tommy (Collin Donnell) o melhor amigo boa vida , Laurel Lance (Katie Cassidy) a ex-namorada que ainda sofre com a morte da irmã e a traição de Oliver, John Diggle (David Ramsey) o segurança que só leva balão de Oliver e Quentin Lance (Paul Blackthorne) o detetive, pai de Laurel, que investiga a aparição de um vingador de capuz.
Arrow é baseada numa HQ homônima, publicada pela DC Comics. A equipe de produtores Greg Berlanti ("Green Lantern," "Brothers & Sisters"), Marc Guggenheim ("FlashForward," "Eli Stone"), Andrew Kreisberg ("Warehouse 13," "The Vampire Diaries") e David Nutter ("Smallville," "Supernatural," "Game of Thrones"). Melissa Kellner Berman ("Eli Stone," "Dirty Sexy Money") é co-produtora. O Piloto foi dirigido por David Nutter, com adaptação de Andrew Kreisberg & Marc Guggenheim e história escrita por Greg Berlanti & Marc Guggenheim.
P.S* Arrow não perde o charme e faz piadas sobre Lost e Crepúsculo. Sensacional!
Comentários
27 Comentários

27 comentários:

Darlan Generoso disse...

Além do episódio ter sido ótimo deu uma puta audiência. CW, já pode renovar.

Cristina Souza disse...

Confesso que não espera muito de Arrow, mas tive que me render! O pilot foi  ótimo! Espero que continue nesse nível!

m.a. disse...

engraçado que tive a sensação contrária sobre a edição. para mim ela fez com que o episódio fosse ágil, sendo então responsável pelo pouco aproveitamento na caracterização os personagens. 
também curti a estreia, vamos ver mais sim. :P

Ataide Neto disse...

Arrow foi foda! Também não li as HQ's e espero saber como ele se tornou um mestre no JIU-JITSU se, aparentemente, estava SOZINHO na ilha!!!

Luan disse...

"Willa Holland) a irmã traumatizada e envolvida com drogas" OC javú

alex disse...

não duvido nada, a Cw anunciar a renovação da série daqui a duas semanas

Lucas Pedro disse...

Olá pessoal, eu sou proprietário do blog de series http://www.seriespremium.org,(seriespremium@live.com) meu blog tem perto de 3 meses PR1 e em torno de 7 mil visitas diárias, meu blog é sem fins lucrativos limpo de publicidade, estou entrando em contato com vocês para pedir parceria, uma troca de links com o intuito de ter mais relevância para o Google, escolhi os blogs de vocês por que são excelentes e muitos sem fins lucrativos também, caso se interessem aguardo o contato, se quiserem conversar trocar uma ideia sobre seriado esse também é meu msn, podem me adiciona. Abraço a todos.

Breno Alexandre disse...

Fazia tempo que não via um piloto tão bom, não estava muito empolgado com as séries que estavam estreando fora algumas comédias, agora mudei de opinião. Parecia que a gente tava vendo coisa de cinema.

alex disse...

Que piloto! me desculpe Last Resort, mas essa é a melhor estreia dessa Fall Season

Lucia disse...

Melhor piloto da temporada!!!!!

Amanda disse...

Maior audiência da CW nos últimos 3 anos!

Pedro disse...

Me surpreendi com a qualidade da produção da série

Pedro disse...

Me surpreendi com a qualidade da produção da série

Vanessa disse...

Esse fall season não me deu vontade de ve nenhuma estreia(da outra ganhei OUT,Revenge e Homeland),especialmente Arrow que pra mim seria Smallville 2.0,mas talvez de uma chance.

p.s:Retorno bem chato de Gossip Girl
p.s²:Não teremos mais reviews de Dexter?

Taígo disse...

Ninguém aprende a lutar daquele jeito sozinho em uma ilha deserta, ou tinha alguém mais no lugar que ensinou aquilo a ele, ou isso é a maior forçação de barra do século.

Vitor Boschi disse...

Eu achei mto bom o episódio, tanto que adicionei já a minha watchlist, mas tenho que dizer que a narração durante o episódio do ator principal é MUITO fraquinha...

Fernanda disse...

muitoo bom..e o ator principal tipo que cara perfeito tanto na atuação quanto no corpo...

Jesimiel disse...

Muito bom o episódio, vou acompanhar a série. 

Duarte disse...

Eu sabia que Arrow ia ser a minha Nikita sem cancelamento .Yuppiiii

Lucas Luan Miranda disse...

Algumas pessoas tão pensando q ele tava sozinho na ilha mas nao estava.
Tem um episodeo de Smallville, eu acho q na nona temporada que mostra o q acontece lá. provavelmente isso vai ser mostrado ao longo da história.

Lucas Luan Miranda disse...

No final do episodeo Laurel fala alguma coisa sobre ser heroína, acho q qseram deixar no ar q em breve ela vai sim se tornar a Canário Negro.

Deby disse...

Uma palavra... SENSACIONAL

Jonatan Setúbal disse...

Realmente mto boa estréia... Nessa Fall ainda não havia visto nada das novatas... Foi bom começar com o pé direito... Também não conheço o arqueiro verde, na verdade só dos desenhos da liga da justiça. kkkkkkkkkkkkk... Vamos lá... Espero que não seja fogo de palha...

CRRochaGuitar disse...

Baixei o 1x01 e vou conferir agora_abraço 

Junno Barbosa disse...

OK Camis... me convenceu.... kk e olha que eu até agora nem tinha cogitado dar uma chance a Arrow rsrs

Alex Carvalho disse...

Porrãm, que piloto maravilhoso, hein? Ótima ação, e conseguiu fazer com que eu, que não possuía nenhum interesse pelo personagem original, me interessasse pra saber o que acontecerá. E apesar de não acompanhar o personagem, fui capaz de pegar várias referências, como o apelido da irmã (quem eu adorei, e espero que não transformem em mais uma adolescente problemática e chata) Speedy, que nos quadrinhos foi o sidekick do Arqueiro Verde e também tinha problemas com drogas.

Pro que a série se propõem, o piloto ultrapassou minhas expectativas.

9/10 

Camilla Gois disse...

Podiam ter mostrado mais a parte da ilha e do naufrágio foi tudo muito corrido e superficial.

Por favor Camis não coloque Smallville e boa série na mesma frase.